7 de dez de 2013

Uma conversa calorosa sobre o amor.







"Somos reféns de nos mesmo, de pensamentos que as vezes nem e tudo aquilo que imaginamos, situações,momentos as vezes simplesmente saudades do que se foi, mais o que foi não volta, mesmo se por ventura voltar, não sera o que era, e doloroso, mais a vida ensina da forma mais difícil, sem rascunhos, como você diz katie, somos coadjuvante da nossa própria historia, aqui seguimos ela, a beira de um abismo, decidimos se vamos cair ou não? tudo fica nas nossas mãos, se depender de ninguém ."Gabriela V.


"Acho que todos nós passamos por isso em um momento da vida...somos coadjuvantes dai viramos protagonistas retornamos a coadjuvante ...Giselle Moreira 


"O tempo não cura as feridas, ele só abre espaço para que você tente esquecer, mas o certo é que você nunca esquece, apenas guarda pra você, porque aprende que mesmo você esperneando chorando implorando nada volta, então você se abre para o mundo depois de um tempo, e confia e assim vai indo até encontrar oque procura, mas é demasiadamente demorado, anos e anos.As vezes é cansativo, é como se você subisse uma ladeira, e no meio dela parasse e olhasse o tanto que você subiu, e depois olhasse o quanto você ainda tem que subir, bate o desanimo, e a coragem e a vontade, e os sentimentos começam a fraquejar. Mas e tão simples dizer, escrever, poetizar, mas e difícil guardar as próprias palavras quanto mais as alheias, e difícil um fato por fora não te alterar por dentro." Katie Loop Bittencourt 

Um comentário:

  1. Nosssa, ameeei essas reflexões haha
    Me identifiquei demais com essa ''Acho que todos nós passamos por isso em um momento da vida...somos coadjuvantes dai viramos protagonistas retornamos a coadjuvante''

    No momento não sei o que sou hahaha
    Adorei aqui flor! Beijos, Mari
    http://www.garotadabossa.com/

    ResponderExcluir